SIGA POR E-MAIL

sexta-feira, 2 de dezembro de 2011

DECISÃO SOBRE LUPI SAI NA 2ª FEIRA 05/12,DIZ DILMA


Dilma diz que decisão sobre Lupi será 'objetiva' e deve ser tomada na 2ª-feira
                        Lupi em foto de Dida Sampaio da AE-Carinha de Ingenuo cheio de charme.

Em viagem a Caracas, presidente diz que não verá situação do ministro do Trabalho sob ótica 'romântica'.

02 de dezembro de 2011 | 18h 51

Claudia Jardim - BBC

A presidente Dilma Rousseff afirmou nesta sexta-feira que fará uma análise "objetiva" sobre a situação do ministro do Trabalho, Carlos Lupi, e que na segunda-feira deverá tomar uma decisão a respeito da permanência dele no cargo.
A imprensa brasileira vem especulando que Lupi pode cair por conta de denúncias de irregularidades em convênios do Ministério do Trabalho com ONGs.
A isso se somam recentes denúncias do jornal Folha de S. Paulo de que o ministro teria sido "funcionário fantasma" da Câmara dos Deputados e teria acumulado cargos simultaneamente de maneira irregular, como assessor parlamentar em órgãos públicos diferentes.
No último dia 10, durante audiência na Comissão de Fiscalização e Controle da Câmara dos Deputado, Lupi negou as acusações de suposto desvio de verbas em seu ministério e disse que "amava" a presidente.
Sem 'romantismo'
Durante viagem a Caracas, nesta quinta-feira, para participar da Cúpula da Celac (Comunidade de Estados Latino-americanos e Caribenhos), Dilma não quis comentar se seguirá a orientação da Comissão de Ética da Presidência da República.
A comissão recomendou que Lupi seja afastado do cargo por considerar que suas explicações sobre as acusações de corrupção em sua pasta "não foram satisfatórias".
"Qualquer situação referente ao Brasil podem ter certeza que eu resolvo a partir de segunda-feira", afirmou a presidente.
Em referência à "declaração de amor" de Lupi e se esta interferiria em sua decisão sobre manter ou não o ministro, Dilma disse que não tem mais idade para ser "romântica".
"Acho que a gente tem que respeitar as pessoas, mas eu faço uma análise muito objetiva", acrescentou.
Caso deixe o governo, Lupi será o sétimo ministro do governo Dilma a cair. BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.
(Publicado pelo O Estado de São Paulo online)

Nenhum comentário:

Postar um comentário